2019-10-09

«Amar o Mundo» conta a viagem do célebre monge budista Yongey Mingyur Rinpoche pelos bardos da vida e da morte

«Amar o Mundo» é o mais recente livro do célebre monge budista Yongey Mingyur Rinpoche, que se juntou a Helen Tworkov – fundadora e editora da primeira revista budista, Tricycle: The Buddhist Review –, para nos trazer uma narrativa íntima e valiosa da sua experiência de quase morte e da sabedoria que dela retirou e que lhe transformou a vida.

Partilhar:
Yongey Mingyur Rinpoche, autor do livro «A Alegria de Viver», publicado pela Temas e Debates em 2010 e reeditado em 2018, é um dos mais conceituados e acarinhados mestres do budismo tibetano da atualidade. Neste livro extraordinário, «Amar o Mundo», que conjuga a autobiografia profundamente pessoal e os preceitos budistas para uma vida plena de significado, Mingyur Rinpoche dá-nos a conhecer as valiosas lições que recolheu da sua experiência de quase morte. Partilhando connosco as práticas de meditação que o ajudaram, mostra-nos como podemos transformar o medo de morrer em alegria de viver.

Principais críticas literárias:

«Este livro é uma raridade nas obras de espiritualidade: a leitura da história deste sábio e devoto monge budista infunde à nossa jornada de transformação pessoal novos significados, luminosidade e vida.»
Tara Brach, autora de Radical Acceptance e True Refuge

«Uma história magnífica — comovente e inspiradora, profunda e totalmente humana.»
Jack Kornfield, autor de A Path with Heart

«Um dos mais generosos, belos e importantes livros que já li: absolutamente cativante, tão claro, tão honesto, tão corajoso e cheio de sabedoria. Profundos ensinamentos budistas são apresentados com sinceridade e grande clareza.» George Saunders, autor de Lincoln no Bardo «Este pequeno livro comoveu-me e ajudou-me a perceber melhor o budismo tibetano do que muitos tomos pesados que me esforcei por compreender.»
Barbara Demick, autora de A Longa Noite de Um Povo

«Quem procura uma viagem extraordinária pela filosofia budista será amplamente recompensado pela narrativa arrebatadora de Rinpoche.»
Library Journal

«Com este livro, penetramos na vida interior de um jovem e notável mestre budista. Depois de embarcar num retiro errante, conhece o medo, o horror, a doença e a iminência da morte. Mas as dificuldades físicas e emocionais que fariam desistir uma pessoa vulgar tornaram-se oportunidades para Mingyur Rinpoche trabalhar com a sua mente e aprofundar o seu empenho em transformar a adversidade em iluminação. A sua disponibilidade para descrever este processo com pormenores tão íntimos tem-me ajudado imenso na minha própria caminhada, e torna este livro um dos mais inspiradores que conheço.»
Pema Chödrön, autora de Quando tudo se Desfaz

«Mais do que uma leitura hipnótica . No relato da sua jornada espiritual, Rinpoche expõe as suas esperanças e aspirações iniciais, as suas dúvidas e indignações, o seu sofrimento físico e emocional, e as suas fragilidades. E fá-lo com grande habilidade, clareza e amor, que nos encorajam e inspiram a empreender a nossa própria jornada espiritual.»
Sharon Salzberg, autora de Lovingkindness e Real Love

«Um livro extraordinário, que conjuga a autobiografia profundamente pessoal e os preceitos budistas para uma vida plena de significado. Tem algo de extremamente importante a ensinar a cada um de nós.» Richard J. Davidson, autor de The Emotional Life of Your Brain e coautor de Traços Alterados «Através da sabedoria da sua história pessoal, Mingyur Rinpoche mostra-nos como é importante investigar e libertar a nossa mente. Pioneiro corajoso, ilumina um percurso claro, tornando-o mais acessível aos outros. Este livro mudará muitas vidas.»
Tara Bennett-Goleman, autora de Emotional Alchemy

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK