Francisco, o Papa Que Põe a Igreja a Mexer

Francisco, o Papa Que Põe a Igreja a Mexer

Formatos disponiveis
19,90€
-10%
24H
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
19,90€
COMPRAR
I10% DE DESCONTO EM CARTÃO
IEm stock - Envio 24H
IPORTES GRÁTIS

SINOPSE

Organizadores: António Marujo e a Maria Julieta Mendes Dias

Acredita frei Bento Domingues no Papa Francisco? A pergunta pode parecer absurda, mas, usando a ironia, o Autor diz que a sua fé não repousa sobre um homem, mesmo que seja alguém que lhe dá «muita alegria» como o atual Papa. Do que frei Bento não tem dúvidas é que o primeiro Papa argentino da história trouxe já várias coisas de novo, como ele explicara já em outros textos. Francisco, escreve, é uma profecia em ação e uma energia reformadora. Nas crónicas reunidas neste volume, Bento Domingues propõe uma releitura da revolução que está a mexer com a Igreja, proposta por Francisco. Mas recorda e propõe também outros rostos, ideias e inspirações desta mudança - como João XXIII e o Concílio Vaticano II. Ao longo destes textos, Bento Domingues analisa temas que fazem parte do programa de renovação do Papa Francisco: a política e a economia, o diálogo entre as diferenças, a família, o lugar das mulheres na Igreja, o papel dos teólogos, a cúria romana...
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

Francisco, o Papa Que Põe a Igreja a Mexer
ISBN:9789896443979
Edição/reimpressão:04-2016
Editor:Temas e Debates
Código:000281000520
Idioma:Português
Dimensões:150 x 235 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:464
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Religião e Moral > Catolicismo
Frei Bento Domingues, nascido em Travassos (Terras de Bouro) em 1934, Basílio de Jesus Gonçalves Domingues tomou, em 1953, o nome de Bento, quando entrou para a Ordem dos Pregadores (O.P.), ou frades dominicanos. Estudou Filosofia em Fátima e Teologia em Salamanca, Toulouse e Roma. O modo como exerceu o cargo de assistente da Juventude da Igreja de Cristo Rei no Porto (1962-63) forçou-o ao exílio. Em 1965, voltou a Portugal para lecionar em Fátima, Lisboa e Porto, em escolas católicas e laicas. Nos anos finais do regime ditatorial participou na Comissão Nacional de Socorro aos Presos Políticos. A partir da década de 1980, lecionou também em Angola, no Peru, Chile e Colômbia. Entre 1998 e 2001, dirigiu a organização do Curso de Ciência das Religiões, na Universidade Lusófona. Publicou quatro livros: A Humanidade de Deus, A Igreja e a Liberdade, As Religiões e a Cultura da Paz (dois volumes), A Religião dos Portugueses.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK