D. Carlos

ISBN: 9789896446697
Edição/reimpressão: 11-2020
Editor: Temas e Debates
Código: 000281000785
ver detalhes do produto
18,80€ I
16,92€ I
-10%
24H
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
18,80€ I
16,92€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO IMEDIATO
I Em stock - Envio 24H
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

D. Carlos I (1863-1908) foi um dos mais inteligentes e capazes reis do seu tempo, quando a Europa era ainda, com excepção da França e da Suíça, um conjunto de monarquias.
D. Carlos correspondia bem, pelas suas ideias e interesses, ao tipo do fidalgo liberal, o equivalente português da aristocracia whig inglesa. Tinha 26 anos quando foi aclamado rei, a 19 de Outubro de 1889, e apenas 44 quando foi assassinado a 1 de Fevereiro de 1908. Como já acontecera a seu pai, teve de viver com um movimento político entre os seus súbditos que se propunha abertamente destruir a monarquia.

Nos seus últimos dias, porém, julgou que estava no caminho certo para assegurar a continuidade da monarquia constitucional, através de uma renovação das lideranças partidárias e de uma reafirmação dos princípios do liberalismo, sinceramente por si partilhados. Independente, sensato e corajoso, conseguia suportar grandes pressões e tomar decisões arriscadas quando se impunham. Morreu por causa das suas qualidades, não por causa dos seus defeitos.
Ver Mais

CRÍTICAS DE IMPRENSA

«Uma biografia que não é só uma biografia, é a história de uma época ou, mais precisamente, da decadência e queda do regime monárquico. Há muito tempo que não se escrevia nada de comparável. Céptico, penetrante, minucioso, D. Carlos diz mais sobre o país pobre e patético que somos do que toda a “análise política” por aí à venda.»
Vasco Pulido Valente

DETALHES DO PRODUTO

D. Carlos
ISBN: 9789896446697
Edição/reimpressão: 11-2020
Editor: Temas e Debates
Código: 000281000785
Idioma: Português
Dimensões: 168 x 249 x 39 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 512
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Biografias > Livros > Livros em Português > História > História de Portugal

sobre Rui Ramos

Rui Ramos é licenciado em História pela Universidade Nova de Lisboa e doutor em Ciência Política pela Universidade de Oxford. Atualmente é investigador principal do quadro do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. A par da carreira de investigação, tem ensinado na Universidade Católica Portuguesa, Universidade Nova de Lisboa, Universidade de Évora e Wadham College da Universidade de Oxford. É autor de dezenas de artigos, publicados em revistas científicas portuguesas e estrangeiras, sobre temas como a história da alfabetização em Portugal, os intelectuais portugueses no século XIX, a cultura política do liberalismo, o imaginário do colonialismo português contemporâneo ou a instituição da cidadania em Portugal. Foi um dos fundadores e membro do conselho de redação da revista Penélope. Revista de História e Ciências Sociais, entre 1988 e 2006. Entre outros livros, publicou A Segunda Fundação (1890-1926), volume VI da História de Portugal, dirigida por José Mattoso (1994; 2.ª edição em 2001), e João Franco e o Fracasso do Reformismo Liberal, 1884-1908 (2001). Foi um dos coordenadores do Dicionário Biográfico Parlamentar. A Monarquia Constitucional, 1834-1910 (2004-2005). Em outubro de 2002, a Academia Europaea outorgou-lhe a distinção de Burgen Scholar em reconhecimento pela excelência da sua obra académica. Em 2009 recebeu o Prémio D. Dinis, conjuntamente com Bernardo de Vasconcelos e Sousa e Nuno Gonçalo Monteiro, pela obra História de Portugal. A 7 de junho de 2013 foi feito Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique.
Ver Mais

DO MESMO AUTOR

QUEM COMPROU TAMBÉM COMPROU

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK