2018-06-27

General Loureiro dos Santos, um homem de excelência política e militar

Decorreu ontem, no Auditório da Assembleia da República, o lançamento do novo livro de Luísa Meireles, «General Loureiro dos Santos»

Partilhar:

A apresentação do livro «General Loureiro dos Santos», contou com a autora, Guilhermina Gomes, diretora editorial da Temas e Debates, o General Ramalho Eanes, o Professor Miguel Monjardino, com a calorosa receção de Marco António Costa.


A sessão, que contou com a presença do General Loureiro dos Santos, recebeu ainda muitas figuras emblemáticas das áreas militar e política, que quiseram homenagear o General. «Escrever este livro fez-me perceber que o Homem tem tanta força umas vezes, e tão pouca noutras», afirmou Luísa Meireles que, após quatro anos de pesquisa e de ter mergulhado a fundo na História, reconhece a força interior do General Loureiro dos Santos, um homem que cumpre com o seu dever e segue um lema de vida: «O que tem de ser tem muita força».


A obra foi introduzida pelo General Ramalho Eanes, uma figura muito próxima do próprio General Loureiro dos Santos. Ramalho Eanes não poupou os elogios a Loureiro dos Santos e à obra de Luísa Meireles. «Loureiro dos Santos é grande, mas é sobretudo grande no papel militar. É um líder, mostra-nos o que é a liderança. É um estratega e sabe que a estratégia é fundamental porque é a inteligência aplicada à ação. É um homem ambicioso que cumpre os seus deveres e a sua palavra, um homem de carácter bom. É, sem dúvida, um dos mais brilhantes, senão o mais brilhante, da minha jurisdição». 


O Professor Miguel Monjardino, Professor de Geopolítica e Geoestratégia na Universidade Católica Portuguesa de Lisboa, apresentou o livro de Luísa Meireles, reforçando a importância do exército na formação de um país. «Honra, serviço e respeito são hoje palavras muito pouco comuns, o que não acontecia há uns anos atrás. O General Loureiro dos Santos foi um homem que sempre se interessou pela leitura, teve uma educação longa e contínua, dedicou a sua vida a ler e a conhecer mais», afirma o Professor.


Foi um evento de casa cheia, e não poderia ser de outra forma, ou não tivesse sido o General Loureiro dos Santos o Homem que foi, merecedor da grande ovação que os presentes lhe proporcionaram no final da sessão.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK