2023-03-13

A vida de D. Pedro Carlos, um infante (praticamente) desconhecido da nossa história

Estruturando-se nos três espaços onde ocorreram os momentos mais marcantes da vida do infante – Espanha, Portugal e Brasil –, a biografia de D. Pedro Carlos de Bourbon e Bragança, que a Temas e Debates publica a 16 de março, é um documento notável de Isabel Drumond Braga que dá a conhecer a breve vida de uma figura cuja bibliografia é praticamente inexistente.

Partilhar:

Primeiro neto da rainha D. Maria I e primogénito de dois filhos segundos, os infantes D. Gabriel de Bourbon e D. Mariana Vitória de Bragança, o infante D. Pedro Carlos nasceu em Aranjuez e faleceu antes de completar 26 anos, no Rio de Janeiro.

 

Embora não tenha sido jurado herdeiro do trono de Portugal, foi o putativo sucessor de D. João VI enquanto os príncipes do Brasil não tiveram filhos, protagonizou com D. Maria Teresa de Bragança o primeiro casamento de um membro da realeza no Rio de Janeiro, foi pai do primeiro infante a nascer na América e igualmente o primeiro membro da casa real a perecer nessa parte do império português.

 

Resultado de uma minuciosa pesquisa em arquivos e bibliotecas dos três países da geografia pessoal do infante, bem como da análise da correspondência diplomática e cartas particulares – a maioria das quais inéditas – D. Pedro Carlos (1786-1812): Um Infante de Espanha em Portugal e no Brasil é um trabalho extenso e detalhado que também revela as relações familiares, expectativas, frustrações e teias de cumplicidade de uma das figuras menos conhecidas da nossa história.