2020-09-09

Trinh Xuan Thuan leva-nos numa viagem no tempo e no espaço para desvendar a história do cosmos

«O homem é interdependente do universo, na sua própria carne, porque é pó das estrelas.»

Partilhar:

O fascínio humano pelos céus é tão antigo quanto a própria Humanidade. Desde o homem primitivo que olhamos para as estrelas e lhes procuramos dar sentido, tanto que a história do cosmos acaba por se confundir com a história do Homem. No livro que a Temas e Debates publica já a 11 de setembro, A Vertigem do Cosmos, o astrofísico e professor universitário Trinh Xuan Thuan guia-nos por uma viagem no tempo e no espaço para revelar a história do universo.

 

«A cosmologia redescobriu a antiga aliança entre o homem e o cosmos e redefiniu-a e precisou-a: partilhamos todos a mesma genealogia cósmica que se estende por 13,8 mil milhões de anos. Irmãos dos animais selvagens e primos das flores do campo, todos trazemos em nós a história cósmica. Filhos das estrelas, estamos todos intimamente ligados ao universo.»

 

Esta é uma breve história do universo, acessível a qualquer tipo de leitores e narrada por um cientista que escreve com paixão e eloquência. Cada página transporta o leitor através do tempo, da Terra à Lua, ao Sol e mais além, do éter ao vácuo, em busca das misteriosas energia e matéria escura que compõem grande parte do universo. Em cada página são partilhadas as teorias, certezas e dúvidas das várias épocas da humanidade. Uma crónica que começa na arqueoastronomia e termina na astrofísica moderna, que não se limita aos temas fundamentais mas que celebra também a aliança eterna entre o Homem e o cosmos.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK